terça-feira , 21 agosto 2018
Home / Bruxaria / Os Sete Poderes Africanos

Os Sete Poderes Africanos

É chamado de Sete Poderes Africanos, as sete potencias da África – os ditos Orixás mais fortes, não sei dizer se essa séria uma definição correta, afirmar que são os sete mais fortes, pois ao meu ver todos os orixás tem seus atribuídos dados pelo altíssimo. Mas por conta de suas historias e mitologias, eles ganharam esse nome “Os Sete Poderes Africanos”.

Eles possuem espaço em várias religiões e praticas mágicas, entre elas estão a: Santeria, Hoodoo, Candomblé…

Eles são: Elegua, Iemanja, Oxum, Chango, Obatalá, Orula e Ogum.

Elegua é conhecido em varias culturas por vários nomes, no Vodu por exemplo, ele é Papa Legba, na tradição cristã ele esta associado com Santo Antônio (como Papa Legba da familia Petro) e São Lazaro (Papa legba na família Rada).
Elegua é o senhor das encruzilhadas, ele abre e fecha as portas dos caminhos da humanidade. Como regente das encruzilhadas, todas as oferendas, trabalhos, orações, passam primeiro por ele para depois chegar em qualquer outro orixá. Ele foi o primeiro orixá criado. Ele governa o Destino do Homem, bem como sua sorte.

Iemanja, a rainha do mar, senhora da maternidade, mãe de todos os peixes. Conjuradas em momentos que é preciso crescimento espiritual e em casos de fertilidade (para que uma mulher seja fértil, para que um novo empreendimento seja fértil, para que uma nova loja tenha clientes e cresça…), Iemanja é a senhora que conforta, que remove as crises emocionais e da força ao espirito do homem.

Oxum, em varias culturas ganha simbiose com seus deuses, santos e loas… ela é vista como Afrodite, Vênus, Erzule Freda Dahomei… ela a orixá do amor, dos desejos e das paixões. Ela protege os amores, e ajuda as crianças e adolescentes no crescimento, ajuda os casais em momentos de dificuldade, e na velhice ajuda o homem em suas transições.

Chango é o senhor dos relâmpagos, do poder, das paixões, sensualidade… ele é visto como Zeus dos gregos, e Júpiter dos Romanos. Ele é a personificação da força e da dignidade.
Na Santeria ele é um dos quatro orixás mais amados, sendo os outros: Yemanja, Obatalá e Oxum.Sete Poderes Africanos

Obatalá é o orixá mais velho, dito ser o criador de todos os homens. Ele é visto como um juiz honesto e justo (tanto com o inocente quando com o abusador), o senhor dos homens, ele é chamado em momentos de crises, chamado para resolver os problemas entre as pessoas – geralmente em casos de disputas, assim, ao inocente lhe confere vitória e êxito, e ao culpado e injusto a justiça…

Orula – também chamado de Orunlá, ou Orunmilá, ele é o símbolo da renovação, da adivinhação, das profecias, ele é o guardião dos adivinhos e leitores do futuro, que trazem o futuro para o presente preservando a segurança de quem os busca. Ele é o senhor dos mistérios, das trocas, das forças ocultas, ele protege e ajuda o homem, afastando-o dos problemas e das danações. Orienta o homem em situações difíceis, inclusive em situações amorosas – sendo juiz das mesmas.
Ele personifica a sabedoria, o conhecimento, o entendimento sobre a criação de todas as coisas e de tudo…

Ogum, representa a amorosidade e proteção de um pai pelos filhos. Ele é o senhor das armas e ferramentas. Ele a aridez dos desertos, todos os descampados e locais inférteis são criados naturalmente em sua honra, pois Ogum ama os desertos. Em lutas (seja qualquer tipo de luta, inclusive as judiciais…) ele oferece proteção e força nas batalha (para os justos).

Cada orixá possui seu mistério, intrínseco em seus modos, em suas historias e mitologias, eles unidos são os Sete Poderes Africanos – Eles orientam a vida do homem, guiam, guardam, iluminam, governam.

Buscando o Auxilio do Sete Poderes Africanos

Eles são chamados quando ha necessidade de comunicação entre esse lado e o outro, entre o mundo dos vivos e o mundo dos mortos. Eles são chamados quando há a necessidade de proteção, amor, afeto, prosperidade, necessidade de segurança, para afastar as tristezas da mente e as sombras da alma. Para o crescimento espiritual para fortalecimento do caráter ou para realizar um desejo. Também são invocados para destruir os inimigos, os injustos, os opressores… para afastar o mal, banir as maldições e feitiçarias lançadas contra você.

Formas fáceis de trabalhar com o Sete Poderes africanos, consiste no uso de Mojos, Pós, Estatuas, Óleos, banhos, Lavagens de Chão que são feitos com base na mitologia dos orixás segundo as crenças milenares que os envolve…

Você pode colocar o Pó Sete Poderes Africanos na palma de sua mão e soprar dentro de sua casa, fazendo uma oração sincera, incluindo seu desejo.

Você pode adquirir um frasco do Óleo Sete Poderes Africanos concosco, basta enviar um email para: conjurebr@icloud.com ou solicitando pelo whatsapp: 69 84991020
Você pode adquirir um frasco do Óleo Sete Poderes Africanos concosco, basta enviar um email para: conjurebr@icloud.com ou solicitando pelo whatsapp: 69 84991020

Você também pode vestir uma vela de sete dias com Óleo Sete Poderes Africanos e oferecer a essas Sete Potencias pedido bênçãos ao auxilio ou pedindo por amor, dinheiro, sorte, saúde, proteção, poder e sucesso.

Segue uma oração para os Sete Poderes Africanos concebida por essa Casa de Hoodoo, para ser usada no momento de oferecer as velas.

“Oh Sete Poderes do Céu, vos que estais próximo ao criador, roguem por mim, me concedendo sucesso em meus caminhos, abrindo as portas para o que desejo.
Que o Senhor altíssimo que nos vela, nos olha, nos sustenta, abençoe os vossos atos, e que vós me abençoeis e me concedam suas benção de amor, dinheiro, sorte, saúde, proteção, poder e sucesso…
Que as belezas da vida e dos caminhos se façam presentes em minha vida.
E que as Sete Potências, que os Sete Poderes mais fortes da África, sejam a minha proteção, a minha luz e meus guias.”

Texto: Kefron Primeiro.

NOTA:

Em minhas pesquisas notei que em algumas descrições dos Sete Poderes Africanos, aparece Oya, não é algo tradicional ela ser citada, mas achei interessante ve-la em algumas descrições. Por isso, acrescendo a baixo a descrição de Oya…
Assim, caso você deseje adiciona-la em suas orações. Serão os “Oito Poderes Africanos”

Oya, é a personificação da ferocidade, ela é o orixá que intermédia as comunicações entre os mortos e vivos e entre os vivos e mortos. Ela também é conhecida como Iansã – dizem que Xangô deu o titulo de Iansa a Oia, pois ela parecia com o fim de tarde rosado, fazendo uma referencia ao entardecer, por seu aspecto radiante. Ela é uma das amantes favoritas de Xangô, ela é chamada em momentos que precisamos vencer os inimigos, pois ela chega com seus relâmpagos, eliminando as injustiças, e as falsas obras do homem.

Compartilhe essa publicação com seus amigos...

Comentarios

Comente...

Veja também

Vodu, Santo, Orixa, Loa… Bruxas, Deuses… evolução espiritual… 

Vamos conversar sobre espiritualidade, culturalidade, e a unidade de todas as coisas… Existem certos conceitos …

Deixe uma resposta

Compartilhe!!!
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.