quarta-feira , 26 junho 2019
Home / Blog do Kefron / Qual seu dom? Você sabia que tem poderes?

Qual seu dom? Você sabia que tem poderes?

Você já parou para analisar que todas as pessoas que tem um envolvimento com o paganismo têm um dom?
Não falo aqui da religião da pessoa, mas da pessoa em particular, no caso, você… falo de você.
Então vamos começar de novo, você já parou pra analisar que você tem um dom?

Você já parou para analisar que o seu dom te define? – Você provavelmente deve ter acabado de se perguntar: “Mas qual é meu dom?”

Bom, seu dom pode ser a leitura das cartas do tarô, seu bom pode ser curar, seu bom pode ser ouvir seres não visíveis… enfim, existe uma amalgamas de coisas que um ser humano pode fazer e classificar como um dom.

Então, o propósito desse texto é descobrir três coisas:

1 – Qual seu dom.

2 – O que você pode fazer com seu dom.

3 – De onde vem seu dom.

Antes de mais nada, vamos esclarecer uma coisa.

“Dom”, dom é aquele algo mais que existe dentro de você, que sempre esteve lá, desde quando você percebeu que era um ser vivente… seu dom é só seu, é único… pode haver milhares de pessoas que fazem o que você faz, mas a forma que você faz, mesmo que utilize uma técnica que todos usam, sua forma de fazer é única – porque é você que faz…

O seu “algo mais” é o seu dom, é aquilo que te define.

Qual seu dom?

Só você pode responder essa pergunta, afinal, só você vive dentro de você pra saber, não é mesmo?

Por exemplo, eu escuto coisas as vezes, não com meus ouvidos, mas dentro da minha mente. Eu até poderia dizer que sou clariaudiente, mas não, não é isso… o meu dom está ligando inteiramente a minha mente. Veja, quando eu durmo eu sonho com coisas que irão acontecer – apenas coisas que dalguma forma estão ligados diretamente a mim, porque o meu dom presa pela minha sobrevivência e meu conforto. Eu sou escritor, porque isso está ligado a minha mente também, então tudo o que penso, é o que sai no papel.
Um terceiro detalhe e que mata essa pergunta sobre “qual o meu dom” está ligado a um fato que ocorre com frequência. As vezes estou lavando louça, então começo a cantarolar uma música que nunca ouvi na vida – mas eu não sou compositor, já tentei e não eu certo. E essa música tem uma letra perfeita, uma melodia agradável… as vezes estou me barbeando, então uma situação vem em minha mente, então vem uma pessoa na minha mente e ela me fala algo… eu paro de me barbear para responder… se eu fosse escrever tudo o que já conversei com alguém que não estava lá, dava uma enciclopédia barsa. Então, antes que você fale: “Você é maluco Kefron”, eu vou dizer quão meu Dom, eu tenho capacidade de canalizar.

Então, fatos corriqueiros, fatos do dia-a-dia, irão falar qual é seu dom… basta você analisar o deu dia a dia.

Qual seu dom? (você pode deixar a resposta nos comentários, eu adoraria ler.)

O que você pode fazer com seu dom?

Até pouco tempo atrás eu não fazia a mínima ideia do que fazer com isso, hoje em dia é tão fácil ver pessoas que tem o dom de “canalizar” pensamento de outros, conversas de outros, memorias de outros… quem iria se interessar pelo meu dom?

Sempre há alguém que irá se interessar por aquilo que você faz, primeiro porque sempre irá haver alguém que também faz aquilo – algumas pessoas nem sabem que fazem essas coisas, até que surge alguém e diga: “é fulano, você faz isso…”

Então, o que você pode fazer com seu dom é: USAR.

Se você joga tarô: Jogue tarô… Se você ler palmas de mãos: leia as palmas das mãos… se você canaliza pensamentos, memorias, musicas, historias…: escreva. (Escritores são excelentes canalizadores… e poucos deles sabem disso!)

Eu costumo dizer que o Manual de Hoodoo que escrevi, foi totalmente me dado, usaram apenas as minhas mãos para fazê-lo existir, o Manual de Hoodoo – Conjure e Rootwork para praticantes brasileiros, nasceu… um dia eu falei para os amigos, o que vocês acham de eu escrever um livro sobre Hoodoo (eu não fazia a mínima ideia da loucura em que estava me metendo, imagina a responsabilidade de fazer algo, e imagina a responsabilidade de se tornar responsável por esse algo…) então escrevi o Manual de Hoodoo em vinte e seis dias, ou seja, ele já estava pronto em algum lugar, só precisava de alguém que o fizesse.

De onde vem seu dom?

Essa não é nem de longe a pergunta mais difícil de responder, mas é a mais complicada. Sabe por que? Eu realmente não faço a mínima ideia de onde vem o seu dom – não faço a mínima ideia de onde vem o meu.

“Os gregos acreditavam que o homem era inspirado a fazer tudo o que ele fazia, fosse escrever, cantar, esculpir, moldar; não importa o que ele fizesse, ele era influenciado por algum ser externo ( vindo do além, de outro mundo, enfim…). Sócrates já dizia que era influenciado por um desses seres, que na época eram chamados de “Daemons”, os romanos acreditam na mesma coisa, e diziam que esses mesmos seres eram os “Gênios”, e de onde eles viam e para onde eles iam, não importava, e se tudo o que você fizesse não desse certo, era porque você não tinha um bom “Gênio” ou um bom “Daemon” e se fizesse tudo direitinho e tudo da forma certa, era porque seu “Gênio” ou “Daemon” era bom, era excelente, eles (os gregos e romanos) se perguntavam – onde vivem, onde moram; e com o tempo a resposta foi concebida, eles estavam em tudo, nas paredes, nos quadros, nas roupas, e saiam desses locais e objetos, e entravam dentro da pessoa, fazendo parte dela como ela. Então comecei a pensar sobre isso, e quando eu vou escrever eu deixo que esse “Gênio” ou esse “Daemon” me inspire – eu deixo que ele saia das paredes, das pessoas ao meu redor, dos quadros e entre dentro de mim, deixo que faça parte de mim, como eu.”

Agora cabe a você responder, Qual seu dom? O que você pode fazer com seu dom? De onde vem seu dom? Deixa uma resposta pra mim nos comentários… eu ficarei muito feliz de ler.

Kefron Primeiro

(Caso queira falar comigo, me adiciona no facebook ou me envia um e-mail)

Facebook: www.facebook.com/kefron.primeiro
E-mail: conjurebr@icloud.com

Veja também

Quando eu larguei a Varinha Magica

Nota: Esse texto é uma crônica sobre minha vida, como tudo o que escrevo nesse …

Comentário Unico

  1. ELIZABETH BORGES DA LUZ

    BOA PERGUNTA,MEU DOM
    GOSOT DE ACENDER VELAS E ME CONECTAR ,TENHO SONHOS QUE OS DEUSES ,ORI´XAS OU SEJA O QUE FOR VEM ME DIZER AS COISAS.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.